-

Para a autora, a dramaturga Camila Appel, a morte é o próximo tabu --depois do sexo-- a ser quebrado. Blog traz informações, entrevistas e o desenvolvimento do tema pelas diversas áreas do pensamento.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

2030: a fusão entre homem e máquina

Por volta de 2030, poderemos ter o que o engenheiro do Google, autor e futurista Raymond Kurzweil chama de “pensamento híbrido”. Significa pensarmos em parte de forma orgânica, de acordo com a biologia de nosso cérebro, e em parte de forma artificial – uma possibilidade do avanço exponencial da tecnologia. Um nanorobô se instalaria em nosso neocortex (no(…)

A máscara em que você vive – sobre o suicídio entre homens

O documentário “The Mask You Live In” (a máscara em que você vive), disponível no Netflix, ressalta um aspecto fundamental da cultura norte-americana, que ao meu entender poderia ser replicado à brasileira: a criação de mitos relacionados à masculinidade. Essa cultura estaria enraizada em nossa comunidade, nas escolas, nas casas, nos playgrounds das praças, sendo(…)

Após regulamentação, cresce 771% o número de testamentos vitais lavrados no Brasil

Testamento vital é uma nomenclatura emprestada do “living will” da língua inglesa, que se refere mais a um “desejo em vida” do que a um testamento em si. O “will” foi traduzido como testamento gerando uma leve confusão. Ele é uma ferramenta para manifestar vontades sobre tratos médicos no final da vida, no caso de estarmos(…)

“Antes de morrer eu quero…”

Lousas gigantes espalhadas pelo mundo convidam o público a completar a frase “antes de morrer eu quero…”.  As respostas variam, mas algumas são semelhantes, em diferentes línguas: “antes de morrer eu quero me amar”, “eu quero viajar”, “eu quero viver intensamente”, “eu quero mudar meu jeito de ser”, “eu quero aprender uma língua nova”, “eu(…)

Confissões do crematório

A norte-americana Caitlin Doughty abraçou uma missão: desmitificar o tabu da morte. Com seu canal no YouTube, o “Ask a Mortician”, ela apresenta vídeos curiosos sobre a indústria da morte usando humor afiado e sagacidade. E usa a escrita para apresentar o leitor a um setor pouco conhecido do público em geral – os bastidores(…)

Enganando a morte

Capa da revista “The Economist” dessa semana traz a frase: “Cheating death” (enganando a morte). O artigo se refere a descobertas científicas que podem desacelerar o envelhecimento. Nas décadas passadas, a expectativa média de vida da população aumentou devido a melhorias na alimentação, saúde pública, medicação e habitação. Agora, essa expectativa continuará crescendo devido ao(…)

A morte de Lou Reed

“Hey baby, take a walk on the wild side” é o refrão da clássica música de Lou Reed, morto há quase 3 anos. Sua esposa, Laurie Anderson, contou em uma entrevista à revista Rolling Stones americana, como foi acompanhar os últimos momentos do homem que mudou a história do rock e foi seu companheiro por(…)

Blogs da Folha